Review Revenge 04x05 - Repercussions



Depois de um Meteor que acabou com tudo, Revenge volta para mais uma semana com um Repercussions mais brando, mas nem por isso menos instigante. O episódio teve vários pontos necessários para a trama, além de dar uma acalmada no turbilhão de acontecimentos que estava se sucedendo. Eu enxerguei o capítulo como uma espécie de preparação para novos plots que virão.

O episódio começa com David e Victoria visitando o túmulo de Amanda. Sério, no primeiro segundo de episódio eu consegui sentir uma raiva tremenda dessa mulher que deu vontade de parar de ver. Ela não queria estar ali, mas ele diz que precisava ver com seus próprios olhos, quase como um “ver para crer”. Logo, já no início, o que grita na nossa cara é que mesmo sabendo da história da Amanda fake, ele ainda não acredita totalmente que sua filha tenha morrido. Afinal, está no DNA dos Clarke se fingir de morto e reaparecer depois. Vai que Amanda reaparece do nada linda e loira?

Emily conta para Nolan que já se passaram cinco dias após a declaração de David para mídia e que precisa falar com ele. O loiro diz que David está de volta e conta sobre a visita dele no cemitério. Ela fica furiosa e isso só faz ela querer encontrar o pai mais ainda. Nolan tenta acalmá-la porque ele acha que Victoria pode estar manipulando ele de uma forma que ele possa ser diferente do que era antes e ela, como sempre, não se convence. Eu sinceramente fiquei irritado com o Nolan por isso, como a Ems, mas no fundo ele tem razão. Por mais que nós queiramos que eles se encontrem, temos que entender que um encontro mal definido pode pirar o maluco de vez.

David e Victoria chegam no hotel, onde todos os fotógrafos e Emily aguardam os dois. David está tranquilo saindo de seu carro quando aparece um outro e tenta atropelá-lo. Tio David dá um salto duplo imortal carpado e consegue fugir da sua morte real. Estados Unidos precisa mandá-lo para as Olimpíadas de 2016 aqui no Rio, ganhará na certa! Todos ficam aflitos e ele entra correndo no hotel amparado por Victoria. Ela diz que eles precisam ir embora para a proteção dele, mas ele não quer, ele quer descobrir o que aconteceu com a filha dele. Tio David, estou começando a te considerar pacas! Ele diz que tem muitas perguntas e que está confuso. Victoria fica tremendo de medo e isso só aumenta minha curiosidade de quando ele descobrir tudo.

Emily tem certeza que Victoria está por trás desse atentado contra David para ele ficar com medo e sair dali. Sério, às vezes me acho muito idiota e inocente por não pensar dessa forma, porque isso é exatamente o tipo de coisa que Victoria faz para manipular as pessoas. Nolan então faz dessa teoria um argumento para sua tese de que Ems não deve se precipitar e ir de qualquer forma falar com David. Até porque o hotel está cercado de policiais e a imprensa e só deixam a família passar. Quando ele disse isso, Ems olhou para ele com aquela cara de “tenho um plano” e achei que ela iria mandá-lo lá, já que ele disse que via David como pai. Realmente, eu não sei de nada mesmo, sou inocente…

Jack está tendo dias difíceis já que a imprensa está tentando descobrir qualquer coisa sobre David e ele foi casado com a “filha” dele. Isso repercurte no trabalho dele, tanto que o delegado o dispensa. Poxa, que chato, vou ganhar dias de folga e receberei dinheiro sem trabalhar… ISSO É O FIM DO MUNDO! Cara, eu entendo o que ele está passando, mas quem não queria ficar sem trabalhar? rs. Enfim, ele conta para o Ben que está revivendo todos os pesadelos dele e que David foi o culpado por isso tudo. Na review passada eu disse que ele ficou muito estranho quando descobriu o David e pelo menos não foi falta de atuação ou algo assim, mas é que ele acha que David é um cara tão mal que nem se importou com as pessoas que continuaram suas vidas. O que você esqueceu, Jack, foi que ele não sabia que Emily voltou para os Hamptons para se vingar e que por isso todas as tragédias começaram a acontecer.

Charlotte chega no hotel e tenta se proteger dos fotógrafos com uma bolsa tão pequena que ela aparece aquelas crianças que escondem a cabeça e deixam o corpo de fora, achando que estão super desfarçadas. Sério, preguiça total dessa garota. Foi então que eu percebi o plano de Emily: falar com a Charlie. No início achei que ela estava sendo mais inocente que eu ao achar que sua irmã a ajudaria a chegar ao seu pai e Charlie me deu motivos para isso. Porém, ela mostrou para a garota que a Victoria é uma manipuladora de carterinha e quase inumerou todas as vezes que ela fez a mesma coisa com a filha. Acho que só não fez isso porque se não elas ficariam ali o dia todo.

Charlotte munida de alguma consciência confronta Victoria que liga seu modo Pinóquio rapidamente. Ela diz que nunca machucaria alguém que ela ama e nem manipula ninguém. Ela também disse que é amiga do coelhinho da páscoa e do papai noel. Gente, sério, como a Charlotte consegue acreditar em uma palavra que essa mulher diz? Ela ainda completa que Emily está manipulando ela. Nesse momento eu ri tão forte porque a Charlie está no meio do fogo cruzado. Uma diz que a outra manipula ela e fica nesse eterno jogo de ping-pong onde ela é a bolinha para lá e para cá. Então, para finalizar sua jogada, Victoria diz que se não fosse pela Emily, Declan estaria vivo. Claro, porque a Victoria amava o Declan de paixão, né, Charlie? David chega e Charlotte diz que ele precisa conhecer uma pessoa. *clima de mistério*

Nolan está conversando com o Jack sobre David. O ex-dono de bar e policial diz que quer David o mais longe possível por causa de Carl. Ele não quer mentir tanto assim já que ele é todo certinho e tudo mais. Eu juro que entendo ele, mas sério, a minha curiosidade para falar com esse cara falaria mais alto do que qualquer mentira que eu tivesse que contar. Ou aliás, ele poderia ajudar no encontro de pai e filha e acabar de vez com todas as mentiras. Nolan conta para ele sobre todas as suas dúvidas. Ele acha que David pode ser um homem diferente do que Ems conhecia e isso pode ser muito chocante.

Emily está esperando no saguão por um sinal de Charlie. Enquanto isso, ela vê Margaux entregando um envelope suspeito para um funcionário do hotel e quando ele passa, ela tira o envelope da mão dele e manda ele sair dali com aquele olhar matador. Margaux vai ao encontro dela e Ems pergunta se ela não tem vergonha do cabelo de emo amarelo dela de tentar colocar uma câmera para soltar informações na mídia. Ela diz que outros irão fazer isso, diz que tem que trabalhar e pergunta o que Ems está fazendo ali. Emily diz que está ali por Amanda, para proteger o pai da amiga dela de pessoas como Margaux. A dona da Voulez diz que Ems está muito revoltz pro gosto dela e que deve se acalmar. Sério, acho que agora sim a personagem Margaux está no ponto. Ela se definiu como uma pessoa que faz tudo o que está ao seu alcance para conseguir o que ela quer. Até que enfim ela desencantou.

Emily recebe um torpedo de Charlotte pedindo para subir e eu pensei: CARACA, FINALMENTE ESSA GAROTA FEZ ALGO CERTO! Só que mais uma vez fui trollado pela ABC e tudo não passou de um plano para Charlie levar David para ver Jack, enquanto Emily iria visitar Victoria. O pesadelo de Jack acaba de ficar pior: Charlotte o pressiona a mostrar o “neto” para David. Sério, me desculpem o palavreado, mas alguém pode parar essa VADIA? Alguém pode pegá-la e dar uma surra bem dada? Ela ainda fala de Amanda como se fosse a fake e ela consegue por alguns momentos me fazer odiá-la mais que Victoria. Jack fica para morrer e na boa, eu espero que ele arme uma busca para pegar essa infeliz com droga e prendê-la em flagrante.

Emily já chega quase na voadora perguntando onde está seu pai. Victoria pergunta o que ela quer fazer ao encontrá-lo, já que talvez ele não gostasse de saber toda a verdade do que ela fez. Uma começa a acusar a outra de ser mais cruel e Victoria fica instigando a Ems dizendo que o plano dela foi perfeito, por um detalhe, David está vivo (falarei mais sobre isso à frente). O que eu fico pensando é: OK, Emily não pode chegar e dar umas porradas na Victoria porque isso só faria Victoria ter mais um argumento contra ela, mas ela bem que poderia pegar aquela bebida que Vic estava tomando e jogar na cara dela, para ficar ligada. Enfim, o que dizer dessa cena sensacional? Na boa, foi um completo show de atuação da Madeleine Stowe e da Emily VanCamp. Sério, a Madeleine colocou tanta ironia e fez uma dicção tão debochada que eu poderia ver essa cena eternamente e ser feliz com isso.

Bem, vou aproveitar o gancho da Victoria para abrir um grande parêntese aqui na minha review e falar um pouco sobre uma coisa que vejo muitas pessoas debatendo, inclusive eu: Victoria é vítima ou vilã? No meu ponto de vista não dá para falar que a Victoria é vítima de nada que ela sofreu. Dizer a essa altura do campeonato que a Emily foi errada porque vingou a morte de uma pessoa que não morreu é não olhar para os outros pontos. A morte do David não representou só um acontecimento, mas uma série de coisas ruim na vida da Ems que vieram em cadeia depois disso. Falar que ela se vingou só pela prisão e morte do pai é muito forte porque ela quis se vingar primeiro do maior foco de injustiça que fez com que sua vida desandasse de vez.


Matéria original de Brenno Tavares - PortalCaneca.com.br
comments powered by Disqus